Petróleo

O petróleo é uma matéria orgânica formada há milhões de anos. Sua origem é a partir de seres vegetais e animais marinhos que foram soterrados por rochas sedimentares (rochas porosas formadas por calcário e areia).

Com a ação do calor, da pressão, dos microrganismos e do tempo, esta matéria orgânica se transformou em petróleo.

A palavra petróleo vem do latim petra, que significa pedra e oleum, que significa óleo. O petróleo é um líquido oleoso, denso, de cor geralmente escura .

  

Pode ser encontrado no fundo do mar, mas também é encontrado em terra firme. É mais comum encontrarmos petróleo sobre água salgada, por isso a sua origem marinha, e embaixo de uma camada com gases, como o metano (CH4), etano (C2H6), e outros, em altas pressões.

A descoberta dos poços de petróleo são feitas de várias maneiras. A mais comum é feita com a detonação de cargas explosivas no solo e com a medição das ondas de choque refletidas nas várias camadas do subsolo. A partir do estudo destas ondas, é possível indicar o local provavél de se encontrar petróleo.

Após encontrar petróleo, é preciso fazer a extração. Ela é feita através das plataformas petrolíferas. A extração do petróleo do mar é uma das tarefas mais difíceis.


Plataforma petrolífera em alto mar

Veja o esquema da extração do petróleo:

Fonte: http://www.cdb.br/prof/arquivos/79472_20080429052718.gif

 O petróleo extraídos dos poços é enviado por bombeamento para os depósitos mais próximos. Fica em repouso para decantar a água salgada, argila e algumas impurezas existentes.

Uma das piores impurezas do petróleo é o enxofre (S). Em seguida, é bombeado para tanques de armazenamento e enviado por oleodutos, que são tubulações especias para o petróleo, para a refinaria.

A refinaria é o local onde acontece a purificação e separação dos componentes do petróleo. É trasformado em uma série de derivados através de diversos métodos.


Fonte: supletivounicanto.com.br/modulos/quimica/moduloqui1.htm

Um dos processos realizados é a destilação fracionada. É realizada em grandes colunas de destilação. Cada fração do petróleo apresenta uma mistura de várias moléculas que, de acordo com o seu tamanho, vão ocupando a coluna de destilação. As frações mais leves ficam na parte de cima da torre, como por exemplo, os gases metano e etano.

Veja como se distribuem as frações do petróleo em uma coluna de destilação:

COMPOSIÇÃO

P.E. (°C)

UTILIDADES

1 a 4 C – Gás de Petróleo

menos de 20

Gás de cozinha
Clorofórmio
Etanol
Acetona
Plásticos

5 a 6 C - Éter

20 a 60

Solvente de tinta
Anilina
Náilon
Orlon

6 a 7 C - Nafta

20 a 100

Tecido de fibra sintética
Fenol
Hidroquinona
Ciclohexano
Nitrobenzeno

5 a 10 C - Gasolina

40 a 200

Combustível de motores

11 a 18 C - Querosene

175 a 275

Combustível de aviões

15 a 18 C – Óleo Diesel

275 a 400

Combustível de trator, trem, ônibus, caminhão, óleo diesel

Acima de 17 C – Graxa e Óleo Lubrificante

acima de 350

Lubrificante de peças e máquinas

Acima de 30 C – Asfalto (piche)

acima de 400

Pavimentação de ruas, estradas, parafinas e vaselinas

  

Como referenciar: "Petróleo" em SóQ. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2020. Consultado em 05/07/2020 às 03:06. Disponível na Internet em http://www.soq.com.br/conteudos/em/funcoesorganicas/p3.php

Divirta-se com o LOBIS HOMEM

Produtos de quando CORONA era motivo de alegria

O sonho de ser cantor